Plano de Aula: Explorando o Mundo Através dos Sentidos

plano de aula: explorando o mundo através dos sentidos

Tema: Atividade sensorial que envolve tocar, cheirar, ver e ouvir diversos objetos, estimulando a exploração sensorial.

Nesta: atividades, narração de história, montagem de teatro de fantoches, roda de conversa.

Objetivos:

  • Apresentar “os sentidos” narrando uma história temática em que os sentidos sejam explorados pelos personagens
  • Estimular o desenvolvimento dos sentidos das crianças por meio de atividades sensoriais.
  • Promover a exploração e descoberta do mundo ao redor por meio do tato, olfato, visão e audição, tendo como porto de partida a exploração dos próprios personagens da história apresentada
  • Desenvolver habilidades cognitivas, motoras e socioemocionais das crianças.

Recursos:

  • Livro com história que explore o tema dos sentidos
  • Fantoches para teatralizar a história, envolvendo as crianças e amplificando o interesse delas sobre os sentidos
  • Diversos objetos com texturas diferentes (macios, ásperos, rugosos, etc.).
  • Materiais com diferentes odores (frutas, flores, temperos, etc.).
  • Objetos visuais interessantes (fotos, brinquedos coloridos, etc.).
  • Instrumentos musicais simples (pandeiro, chocalho, flauta, etc.).

Desenvolvimento:

  1. Contextualização:
    • Inicie a aula contando uma história relacionada aos sentidos, como “O Mundo dos Sentidos” ou “A Aventura Sensorial”. No presente plano (Anexo I), propomos uma história inédita que pode ser trabalhada na aula.
    • Explique às crianças que elas irão explorar o mundo ao seu redor usando os sentidos do tato, olfato, visão e audição.
  2. Atividades Sensoriais:
    • Montagem de estações de atividades com objetos de diferentes texturas para as crianças tocarem e explorarem.
    • Preparação de potes com diferentes odores para as crianças cheirarem e identificarem.
    • Apresentação de objetos visuais interessantes para as crianças observarem e descreverem.
    • Exploração de instrumentos musicais simples para as crianças ouvirem e experimentarem diferentes sons.
  3. Reflexão e Discussão:
    • Agora conte a mesma história em forma de teatro de fantoches. Produzimos a mesma história em forma de roteiro de teatro de fantoches (Anexo II)
    • Promova uma roda de conversa para que as crianças expressem suas experiências sensoriais, comparando com os personagens da história e compartilhem o que mais gostaram de cada atividade.
    • Estimule-as a descreverem as sensações e emoções dos personagens e que elas mesmas experimentaram durante as atividades.
  4. Fechamento:
    • Finalize a aula reforçando a importância de explorar e utilizar os sentidos para aprender sobre o mundo.
    • Faça um convite para que as crianças continuem explorando os sentidos em seu cotidiano.

Avaliação:

  • Acompanhe a participação e envolvimento das crianças durante as atividades.
  • Observe a capacidade das crianças em descreverem suas experiências sensoriais.
  • Verifique se os objetivos propostos foram alcançados.

Referências:

  • Base Nacional Comum Curricular (BNCC) – Educação Infantil.

Contextualização e Fundamentação do Plano de Aula

O plano de aula “Explorando o Mundo Através dos Sentidos” tem como objetivo estimular o desenvolvimento dos sentidos das crianças por meio de atividades sensoriais, promovendo a exploração e descoberta do mundo ao redor por meio do tato, olfato, visão e audição. Além disso, busca desenvolver habilidades cognitivas, motoras e socioemocionais das crianças. Para tanto, busca-se fortalecer as vivências por meio de narração de história em que os elementos possam ser apresentados de forma lúdica e fluída para, então, propor a experimentação dos sentidos.

A importância de trabalhar os sentidos nas atividades educacionais é amplamente reconhecida por estudiosos, pensadores e educadores. Jean Piaget, renomado psicólogo suíço, defendeu que a aprendizagem deve ser baseada na experiência sensorial, pois é por meio dos sentidos que as crianças constroem seu conhecimento sobre o mundo, além de ter uma completa imersão quando o tema é apresentado em forma de teatro de fantoches.

Outro pensador influente nessa área é Lev Vygotsky, psicólogo russo, que destacou a importância das interações sociais e do ambiente para o desenvolvimento infantil. No plano de aula proposto, a roda de conversa após a narração e a apresentação do teatro de fantoches, configuram-se na promoção da expressão de experiências sensoriais das crianças são reflexos dessa abordagem.

Maria Montessori, médica e educadora italiana, criou um método educacional que valoriza o desenvolvimento integral da criança. Em suas práticas, Montessori enfatizava a importância do uso dos sentidos para a aprendizagem e desenvolvimento das habilidades motoras. O plano de aula proposto segue essa perspectiva ao proporcionar atividades sensoriais que estimulam o toque, cheiro, visão e audição.

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) – Educação Infantil, também é uma referência importante para embasar o plano de aula. A BNCC estabelece os direitos de aprendizagem e desenvolvimento que todas as crianças têm, e ressalta a importância de explorar os sentidos como forma de ampliar as experiências e conhecimentos das crianças com múltiplas disciplinas de forma transversa, como incluir narração de história e fantoches para potencializar e ilustrar o tema.

Portanto, o plano de aula “Explorando o Mundo Através dos Sentidos” se fundamenta em estudos de renomados pesquisadores, como Jean Piaget, Lev Vygotsky e Maria Montessori, além de estar alinhado com as diretrizes da Base Nacional Comum Curricular. Ao proporcionar atividades sensoriais, o plano busca promover uma educação significativa e estimulante, que contribua para o desenvolvimento integral das crianças.

Anexo I: “A Pequena Extraterrestre Perdida”

Essa história foi adaptada e resumida. A história completa e original foi criada por José Robson, da Cia ArtePalco

Era uma vez uma extraterrestre do tamanho de um polegar chamada Zara. Ela vivia em um planeta muito distante, onde tudo era diferente. Um dia, enquanto explorava o universo, Zara se perdeu e acabou caindo em um piquenique da família de Pedrinho, um garoto curioso e observador.

Pedrinho foi o único que percebeu a presença de Zara. Ele se aproximou cautelosamente e perguntou se ela estava perdida. Zara, confusa e assustada, contou a Pedrinho como tinha se perdido e acabado na Terra. Ela não conseguia entender os sentidos que percebia no planeta, pois eram completamente diferentes dos que estava acostumada.

Dedicado a ajudar Zara, Pedrinho começou a explicar os sentidos humanos para ela. Ele mostrou como o toque podia transmitir diferentes sensações, como macio, áspero e rugoso. Zara ficou fascinada ao sentir as diferentes texturas.

Em seguida, Pedrinho apresentou Zara aos cheiros do piquenique: o aroma doce das frutas, o perfume das flores e os deliciosos temperos. Zara ficou encantada com a variedade de cheiros e tentou identificar cada um deles.

Pedrinho também mostrou a Zara como a visão humana era capaz de perceber detalhes do mundo ao redor. Ele mostrou fotos coloridas e brinquedos interessantes, e Zara ficou maravilhada com todas as cores e formas que via.

Por fim, Pedrinho percebeu que os sentidos de Zara eram mais aguçados do que os dos humanos. Ele sugeriu que ela usasse seus próprios sentidos para encontrar o caminho de volta para casa. Com sua audição apurada, Zara seguiu o som das estrelas e conseguiu encontrar seu caminho de volta para o espaço sideral.

Pedrinho e Zara se despediram com um abraço caloroso. Ambos aprenderam muito durante essa aventura e prometeram nunca esquecer a importância de explorar e utilizar os sentidos para entender o mundo ao seu redor.

Fim.

Anexo II: A Pequena Extraterrestre Perdida (c/ Fantoches)

Versão em forma de teatro de fantoches com 02 (dois) personagens

Personagens:

  • Zara (Extraterrestre)
  • Pedrinho (Garoto curioso e observador)

Cenário:

  • Um piquenique com uma toalha e alguns objetos, como frutas, flores e brinquedos coloridos.

Manipuladores:

  • Manipulador de Zara: Manipula o fantoche da extraterrestre Zara, dando-lhe vida e expressando suas emoções.
  • Manipulador de Pedrinho: Manipula o fantoche de Pedrinho, interagindo com Zara, explorando os sentidos e ajudando-a a encontrar o caminho de volta para casa.

Intenções e movimentação dos personagens:

  • Zara: Expressa curiosidade, confusão e medo por estar perdida. Mostra-se fascinada com as sensações e emoções que experimenta ao explorar os sentidos humanos.
  • Pedrinho: Demonstra empatia e dedicação em ajudar Zara a entender os sentidos humanos e encontrar o caminho de volta para casa. Mostra objetos, interage com Zara e estimula a exploração dos sentidos.

Dicas para os manipuladores:

  • Manipulador de Zara: Dê vida ao fantoche de Zara, tornando-a curiosa e expressando suas emoções por meio de movimentos sutis e expressões faciais.
  • Manipulador de Pedrinho: Interaja com Zara, mostre os objetos e estimule a exploração dos sentidos por meio de movimentos e entonações de voz alegres e envolventes.

Roteiro:

Cena 1: Encontro (Manipulador de Zara entra em cena, segurando o fantoche de Zara) Zara: (Confusa e assustada) Onde estou? Como vim parar aqui?

(Manipulador de Pedrinho entra em cena, segurando o fantoche de Pedrinho) Pedrinho: (Cautelosamente) Ei, você está perdida? Posso ajudar?

Zara: (Surpresa) Ah, você me viu! Sim, estou perdida. Acabei caindo aqui por acidente.

Pedrinho: Não se preocupe, vou ajudar você a entender esse lugar.

Cena 2: Explorando os sentidos (Manipulador de Pedrinho mostra os objetos e estimula Zara a explorar os sentidos)

Pedrinho: (Mostrando objetos com diferentes texturas) Olha, aqui temos objetos com texturas diferentes. Toque e sinta as diferenças!

Zara: (Curiosa) Uau, é macio! E esse é áspero! Que interessante!

Pedrinho: (Preparando potes com diferentes odores) Agora vamos explorar os cheiros. Tente identificar cada um deles.

Zara: (Cheirando os potes) Hmm, que cheiro gostoso! Essa é uma fruta? E esse é um tempero?

Pedrinho: (Apresentando objetos visuais interessantes) Agora, vamos observar coisas bonitas e coloridas. O que você vê?

Zara: (Maravilhada) Tantas cores! Isso é incrível!

Cena 3: Encontrando o caminho de volta para casa (Manipulador de Pedrinho sugere a Zara usar seus sentidos para encontrar o caminho de volta)

Pedrinho: Zara, seus sentidos são mais aguçados que os nossos. Use sua audição para encontrar o caminho de volta para casa.

Zara: (Focada) Vou seguir o som das estrelas. Obrigada por tudo, Pedrinho!

Cena 4: Despedida (Zara encontra o caminho de volta para casa)

Pedrinho: (Abraçando Zara) Boa sorte, Zara! Nunca esqueça a importância de explorar e utilizar os sentidos para entender o mundo.

Zara: (Grata) Obrigada, Pedrinho! Nunca esquecerei essa aventura. Adeus!

Fim.